Mala Maternidade

mala-de-maternidade-2
O QUE LEVAR NA MALA DA MATERNIDADE???

Os médicos aconselham que a mala da mamãe e do bebê estejam prontas até o sétimo mês de gestação. Aí vem a dúvida: o que levar? o que é realmente necessário? Primeira dica importante é pegar a lista que a maternidade disponibiliza. Algumas maternidades não pedem itens de higiene pro bebê, pois elas dão, outras até o álcool gel pedem para levar. Então é preciso avaliar cada caso.
Após pegar a lista da maternidade, é possível levar mais coisas do que eles pedem ou somente aquilo. Como terei filho em outra cidade, minha mala está indo mais recheada do que o necessário para cobrir imprevistos.

MALA DO BEBÊ

Eu não optei por comprar aqueles kits tradicionais de mala de maternidade. Como mãe de segunda viagem, sei que a mala será pouquíssimo usada (ainda mais se não tiver rodinhas) e a mala do bebê acaba sendo infantil demais para a mãe carregar. Optei por comprar uma mala de mão e uma bolsa de bebê mais parecida com uma bolsa de mulher.

20160523_145608

mala de mão

20160523_145214

Bolsa do bebê que parece com bolsa comum

E o que vai dentro? Dentro da mala de mão, eu coloquei roupas e na bolsa deixei itens de higiene. Vale a pena separar os kits de roupa em saquinhos e identificar para facilitar na hora de fazer as trocas. Se o parto for cesariana, a enfermeira fará a troca e o seu acompanhante também. Tudo que for mais fácil, será melhor.

 A minha maternidade disponibilizou esta lista:

– 2 mantas
– 6 cueiros
– 6 mudas de roupas completas
– 1 pacote de fraldas tamanho P
– 3 pares de luvas
– 1 bebê conforto (para maior segurança no momento da alta)
– 1 escovinha de cabelo
– 3 bodies
– 3 pares de meia
– 2 panos de boca
– 1 touca
– 1 Mosquiteiro para berço

Eu, como exagerada que sou, optei por colocar mais coisas. Minha filha nascerá no frio, então imagino que as roupas de linha (estilo saída de maternidade sejam mais quentinhas). Por causa disso, estou levando 5 kits completos de roupa de linha, compostos da roupa de linha + body+ manta + acessório para cabeça + meia ou sapato. Desses 5, um kit é a primeira roupinha que ela irá usar e a outra é a saída da maternidade. Das três que restaram, uma é tamanho P caso ela nasça muito grande.

Mala de mão aberta

Mala de mão aberta

 

Primeira Roupinha

Primeira Roupinha

 

Saída Maternidade

Saída Maternidade

 

Conjunto linha

Conjunto linha

 

Conjunto linha P

Conjunto linha P

 

Conjunto linha

Conjunto linha

Coloquei também duas fraldas grandes para cobrir o visitante que queira pegar ela no colo e mais 3 fraldas de boca menores para uso da bebê.

Fraldas de boca e colo

Fraldas de boca e colo

Estou levando quatro cueiros. Os cueiros são peças coringas, eles podem ser usados para enrolar o bebê, para cobrir o berço, cobrir a cama para trocar o bebê ou ainda cobrir o colo de quem for pegar.

Cueiro

Cueiro

Por ser inverno, estou levando um cobertor felpudo, já que cada kit de roupa de linha tem uma manta correspondente.

Cobertor Felpudo

Cobertor Felpudo

Uma toalha de banho.

 

Toalha

Toalha

Como plano B, estou levando 4 conjuntos de macacão + body RN. Eles são mais fresquinhos e servirão tanto para a maternidade como para qualquer emergência que me faça ficar mais tempo na outra cidade.

Conjuntos de macacão + Body RN

Conjuntos de macacão + Body RN

Conjuntos de macacão + Body RN

Conjuntos de macacão + Body RN

Por causa da previsão dela nascer maior, também estou levando três conjuntos de macacão + body P 

Conjuntos macacão + body P + 1 manta

Conjuntos macacão + body P + 1 manta

Luvas, meias, toucas e sapatinhos extras.

Luvas, meias, toucas e sapatinhos extras.

Luvas, meias, toucas e sapatinhos extras.

Mosquiteiro para carrinho. Serve para cobrir o bercinho para fugir de mosquitos no meio desse surto de doenças pelo Aedes.

20160523_150106

 

Com relação aos ITENS DE HIGIENE, estou levando:

Uma necessaire com tesourinha de unha, pomada anti assadura, chupetas e um sabonete líquido granado.

20160523_145320

 

Um kit com escova e pente de cabelo
20160523_145357

Um pacote de fraldas RN (até 4,5kg) com 42 fraldas e um pacote com fraldas PP (até 6kg) com 50 fraldas, além de um pacotão de lenços umedecidos para RN com 96 lenços.

20160523_145427

Um pacote de fraldas RN até 4kg para o caso da bebê nascer antes do tempo.

20160523_150041

A mala da mamãe não está pronta, mas levarei:

– duas camisolas com abertura frontal para facilitar a amamentação
– 3 soutiens de amamentação
– dois pacotes de calcinha descartável absorventes da marca Plenitude (ótima substituta para absorventes noturnos)
– Um hobby quentinho
– chinelo
– Itens pessoais de higiene (escova de cabelo, escova de dente e pasta, shampoo, condicionador, etc)
– absorvente de seio
– cinta pós parto
– máquina fotográfica
– som para o parto
– roupa para a alta
– calcinha comum e alta
– maquiagem básica, mas muito básica mesmo
– carregador do celular e da câmera

Ultras

ultra

Quais são as ultras e quantas devemos fazer durante o pré natal?

Infelizmente, há uma grande diferença entre quem faz o pré natal pelo SUS e quem faz particular. No SUS eles fazem duas ultras, enquanto no particular são muitas. No SUS ainda há a dificuldade no agendamento dessas ultras, pois nem sempre tem vaga e a gestante acaba perdendo a “janela” para fazer o exame.

No particular, as ultras são solicitadas pelo Obstetra que faz o acompanhamento do pré natal e, normalmente, são as seguintes:

  • Primeira ultra: Esta ultra é realizada por via transvaginal assim que se descobre a gravidez e após o beta dar mais de 1000 para que se tenha certeza de que o saco gestacional está implantado no útero e não nas trompas ou cavidade abdominal. Há médicos que sequer pedem essa ultra, pedindo tão somente a ultra seguinte. Geralmente o que se vê é um pontinho preto no meio do útero. No máximo já poderá ser visualizado o saco gestacional e a vesícula vitelínica (um círculo transparente) que desaparecerá mais pra frente.
    1-ultra

    O pontinho preto na ultra é o saco gestacional dentro do útero

    Aqui é possível ver que o saco gestacional está maior e dentro dele está a vesícula vitelínica

    Aqui é possível ver que o saco gestacional está maior e dentro dele está a vesícula vitelínica

  • Ultra para verificação dos batimentos: Após 07 semanas da DUM (data da última menstruação), o médico solicitará uma ultra para constatar a existência de batimentos cardíacos, bem como determinar a idade gestacional. Ela também é feita por via transvaginal. Conforme falado no post sobre quantos meses são “X” semanas, esta ultra deverá ser realizada antes de 12 semanas para que seja determinada a idade gestacional com mais precisão. A idade gestacional constatada na primeira ultra que apareceu batimento cardíaco (desde que com menos de 12 semanas) será a idade gestacional (semanas) a serem contadas pelo resto do pré-natal. Isso acontece, pois os bebês nessa fase se desenvolvem de forma parecida, sendo a margem de erro muito pequena (dias apenas). Ou seja, é a partir dessa idade gestacional que se chegará a DPP (data prevista do parto) mesmo que lá pra frente as outras ultras comecem a dar diferença.

    Dentro do saco gestacional (parte preta) há um feto de 8 semanas

    Dentro do saco gestacional (parte preta) há um feto de 8 semanas

  • Translucência Nucal: esta ultra também é conhecida como a morfológica do primeiro trimestre. Este exame deve ser realizado entre a 11ª e 14ª semana. A partir de 14 semanas, não é possível fazer a medição da translucência nucal. Ela pode ser realizada por via transvaginal ou abdome. Além desta medição, também é feita a medição do osso nasal. Ambas as informações são cruciais para a análise de possível alteração cromossomial, o que poderia trazer um bebê com algumas síndromes como a síndrome de Down. Caso esta medição dê alterada, o médico pedirá exames complementares para avaliação. Nesta ultra o médico poderá palpitar o sexo do bebê. Com esta idade gestacional, ainda não há órgão sexual formado, mas apenas um broto que irá se desenvolver. A angulação dele pode direcionar para um sexo ou para outro, porém, a margem de erro é de 20%! Então nada de comprar enxoval baseado nesse palpite.
    Medição da translucência nucal

    Medição da translucência nucal

     

    Palpite pela angulação do broto genital

    Palpite pela angulação do broto genital

  • Ultra para ver o sexo: Realizada pela barriga. Após as 16 semanas, a gestante pode solicitar ao médico um pedido de ultra apenas para que se descubra o sexo do bebê. Essa ultra não tem qualquer objetivo médico, mas tão somente a verificação do sexo mesmo.

    Uma menina!

    Uma menina!

  • Morfológica: Realizada pela barriga. Também conhecida como morfológica do segundo trimestre, esta é de longe a mais importante ultra realizada. Ela deve ser feita preferencialmente entre 18 e 20 semanas de gestação. Este exame é importante, pois além de analisar toda a formação externa do bebê (rosto, mãos, pés, membros…) ela também analisa a formação interna do bebê, órgão a órgão, bem como o fluxo sanguíneo do bebê (cordão e placenta) e fluxo sanguíneo do útero.  A posição da placenta também é avaliada, dentre outras verificações cruciais para o acompanhamento futuro.

 

  • Eco Doppler Fetal: Realizada pela barriga. Antigamente este exame era solicitado apenas para mães que tivessem alteração no coração do bebê na ultra morfológica. Hoje em dia, essa ultra é solicitada para todas as gestantes do pré natal particular. Esta ultra não analisa outras informações do bebê além do coração. É uma análise minuciosa do coração para verificar se há alguma má formação, pois em havendo, será necessária uma cirurgia após o nascimento. Este exame deve ser realizado entre a 18ª e 24ª semana.
    Análise do coração

    Análise do coração

     

  • Ultrassonografia com Doppler colorido: após a eco doppler, os médicos costumam solicitar mais algumas ultras para a gestante, geralmente com 28/29 semanas, depois com 32 semanas e uma última ao final da gestação. É possível fazer ela 3d/4d para ver o rostinho do bebê. Estas ultras são apenas para constatar como anda o bebê, se está havendo crescimento adequado, se os nutrientes estão chegando como deveriam…. Não acredite em falácias de que é preciso ver o grau da placenta, se há circular de cordão no pescoço e se o bebê está grande demais. Essas informações são irrelevantes. O que precisa ser visto é: o bebê está recebendo os nutrientes que deveria? O fluxo sanguíneo das artérias uterinas e do cordão estão ok? Se sim, qualquer outra análise para realização ou não de parto normal/cesária deverá ser feita durante o trabalho de parto, mas isso eu falo em outro post.
    Ultra 3d com 32 semanas

    Ultra 3d com 32 semanas

     

  • Perfil Biofísico Fetal: Esta ultra não é uma ultra que faça parte do pré natal da gestante de baixo risco. Quando a gestação apresenta risco, é comum que, ao final da gestação, geralmente por volta das 37 semanas, o médico solicite este exame. O perfil biofísico fetal consistirá em duas etapas, sendo a primeira a realização de uma ultra e a segunda a realização da cardiotocografia.  Ao final, o bebê ganhará uma nota que, em sendo superior a 6, estará tudo bem com o bebê. A ultra analisará: 1) O movimento fetal; 2) o tônus fetal; 3) Movimentos respiratórios fetais; 4) volume aproximado de líquido amniótico. Já o cardiotoco irá analisar a ausência de stress do feto. Este exame é realizado com a gestante deitada ou reclinada com dois monitores amarrados em faixa na barriga. Um monitorará o coração do bebê e o outro as contrações uterinas. Ao mesmo tempo, a gestante ficará com um dispositivo na mão para acionar sempre que o bebê mexer. Geralmente há necessidade do acionamento de um som alto (geralmente buzina) para que o bebê desperte e eleve os batimentos cardíacos.
Cardiotocografia

Cardiotocografia

 

Notas do Perfil Biofísico Fetal

Notas do Perfil Biofísico Fetal